PIS/Pasep 2021 – Tudo que você precisa saber

PUBLICIDADE

Se você é funcionário público ou privado, certamente já recebeu algum valor do PIS/Pasep ao longo da sua carreira e este é um direito de todos os trabalhadores, no entanto, nem sempre sabemos quanto ou quando poderemos ter acesso a esse valor.

No entanto, estamos aqui para te ajudar e separamos todas essas informações que você precisa saber!


Pis/pasep 2021 – tudo que você precisa saber

Pis/pasep 2021 – tudo que você precisa saber

Pis/pasep 2021 – tudo que você precisa saber

PIS/Pasep 2021

O PIS/PASEP são basicamente contribuições sociais recolhidas pelas empresas, que no futuro são transformadas em benefícios para o trabalhador. Essas contribuições podem ocorrer no setor público e também no setor privado.

PUBLICIDADE

Ambas as siglas, PIS e PASEP, se tratam de coisas diferentes. O PIS é o Programa de Integração Social e o PASEP, o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público. No entanto, desde 1975 eles dividem a mesma contabilidade e desde 1988 participam de um fundo compartilhado.

Vale destacar que ambos os programas são extremamente importantes para a classe trabalhadora, e através dele, o servidor tem acesso a diversas vantagens e benefícios exclusivos.

Veja como funciona o PIS/PASEP

Como já mencionamos, as siglas fazem referência a dois modelos de programas distintos. No entanto, a sua forma de funcionamento é muito parecida e por isso, são associados quase diariamente. A diferença maior consiste no público que tem acesso aos recursos dos programas.

PUBLICIDADE

O PIS é direcionado para funcionários do setor privado, concentrando uma série de vantagens e benefícios para esse tipo de funcionário. Já o PASEP, destina-se a funcionários do setor público.

Outro aspecto importante sobre cada um deles é que o PIS é mantido e operado pela Caixa Econômica Federal, enquanto o PASEP é operado através do Banco do Brasil. Em ambos os casos, o dinheiro é recolhido pelas empresas e destinado a um fundo específico.

O fundo citado é o FAT, Fundo de Amparo do Trabalhador onde uma parcela fica retida no governo e a outra é disponibilizada para um saque como abono salarial. Outro ponto interessante é que parte do FAT é movido ao seguro desemprego e ao FGTS.

Quem pode ter acesso aos saques do PIS/PASEP?

Em ambos os casos o trabalhador é inscrito automaticamente no ato da sua primeira contratação através da carteira de trabalho. Como já mencionamos, esses programas são distribuídos para funcionários do setor público e privado.

Além disso, a cada mês é recolhida parte do valor do seu salário para ser destinado ao fundo já mencionado. Os programas são uma grande iniciativa e visam ajudar diversos brasileiros todos os dias.

Leia Mais

Carregando cartão…